Centro de Memória, Arquivo e Cultura - CMAC

Com as novas instalações inauguradas em 20 de fevereiro de 2018, o Centro de Memória, Arquivo e Cultura (CMAC) do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região passa a integrar definitivamente o roteiro cultural de Campinas. Localizado em uma área nobre no 4º andar do edifício da sede judicial da Corte, na Rua Barão de Jaguara, 901, no Centro da cidade, possui cerca de 230 metros quadrados dedicados exclusivamente a exposições (espaço 75% maior do que o anterior, na Rua Doutor Quirino), que utilizam padrões contemporâneos da museologia, caracterizados pelo dinamismo e pela interação com o público.

O CMAC foi criado em 21 de outubro de 2004 com o objetivo de recolher, preservar e garantir o acesso aos documentos produzidos pelo Tribunal. O Centro está intimamente ligado ao estabelecimento do Programa de Gestão Documental da instituição, que dá o correto tratamento arquivístico ao acervo, com a adoção de metodologias para a guarda permanente de documentos de valor histórico selecionados. Já são mais de 100 mil processos históricos, como os que versam sobre trabalho infantil, empresas tradicionais e a primeira ação de cada uma das varas do trabalho.

Assim, busca o CMAC preservar  o passado com os olhos no futuro, mantendo parcerias que  fomentam a pesquisa histórica, sociológica, econômica e jurídica, além de promover o intercâmbio cultural e a cooperação técnico-científica com Centros de Memória de outros tribunais.

CMAC - Centro de Memória, Arquivo e Cultura
Avenida Francisco Glicério, 860 - 4º andar, Centro - Campinas/SP
Segunda a Sexta, das 12h às 18h.
CONTATO: cmac@trt15.jus.br