Notícias

« Voltar

Fórum Trabalhista de Piracicaba sedia exposição "Um mundo sem trabalho infantil"

O Fórum Trabalhista de Piracicaba (Rua João Pedro Correa, 810 – Santa Terezinha) mantém aberta ao público, no período de 17 a 26 de julho, das 9 às 18h, a exposição itinerante "Um mundo sem trabalho infantil", que retrata as piores formas de exploração ilegal da mão de obra de crianças e adolescentes. A iniciativa é do Tribunal Regional do Trabalho da 15ª Região como parte das atividades do Programa de Combate ao Trabalho Infantil e de Estímulo à Aprendizagem da Justiça do Trabalho. A exposição, já exibida em cidades como Brasília, Curitiba, Presidente Prudente, Bauru, Sumaré, Campinas e Aparecida, tem o objetivo de conscientizar a sociedade de que é preciso, com urgência, exigir o respeito aos direitos desses jovens, conforme estabelece a legislação brasileira, sobretudo a Constituição Federal e o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

O juiz Firmino Alves Lima, titular da 1ª VT de Piracicaba, ressaltou a importância da exposição no fórum trabalhista local, principalmente pelo histórico da cidade que já registrou diversos casos de trabalho infantil. O magistrado também destacou o papel conscientizador da exposição para a população, com relação à proteção da criança contra o trabalho infantil, "verdadeiro patrimônio jurídico da humanidade, assegurado pelas Convenções 138 e 182 da Organização Internacional do Trabalho (OIT)".

A mostra retrata como ainda hoje, no País, crianças e adolescentes, dos 5 aos 17 anos, são submetidos a expedientes extenuantes, muitas vezes nas piores formas de trabalho infantil, em carvoarias, lixões, empregos domésticos e outras formas de exploração. O problema, entretanto, vai muito além de trabalhos perigosos e insalubres, incluindo atividades criminosas como escravidão, abuso sexual e exploração infantil, como a exposição também revela. A mostra é composta por 21 painéis, com destaque para o maior deles, de 10 m X 1,8 m, traçando uma "linha do tempo" do trabalho infantil no País.